Almas Vermelhas

Achava que tinha acordado, mas era só o meu canto do quarto que continuava do mesmo jeito.

Um mantra fantasmagórico de fundo em meio a uma aura abafada que enturvava os tijolos rústicos da parede.

O sol que infringia horizontalmente pela janela enorme competia com o vermelho que pulsava entre aqueles espíritos.

Advertisements

About Saulo Goki

Tecnólogo em design gráfico que torce sempre pelo time que está perdendo pra extender o jogo. View all posts by Saulo Goki

Deixe um comentário/ Leave a reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: